Como administrar o WordPress por linha de comando no Linux

Se você gosta de linha de comando como eu, vai adorar as facilidades que o WP-CLI oferece. De forma rápida e eficiente você pode gerenciar, instalar ou atualizar as várias instalações WordPress no seu servidor ou mesmo em sua máquina local, sem utilizar nenhum navegador web, apenas por linha de comando.
Como é prático e objetivo, não temos muito o que falar a não ser mostrar como é fácil baixa, configurar e sair utilizando, demonstraremos abaixo de forma clara como realizar cada passo.

Instalando

Basta baixa um arquivo Phar é melhor recomendação para a maior dos usuários. Existem outras formas de instalar, mas não serão tratadas neste artigo, mas informações em inglês podem ser obtidas no site da organização em https://make.wordpress.org/cli/handbook/installing/
Antes de instalar o WP-CLI é preciso verificar os requisitos mínimos do seu ambiente operacional:
– Ambiente baseado em UNIX (OS X, Linux, FreeBSD, Cygwin), ambientes Windows são suportados de forma limitada.
– Versão PHP 5.3.29 ou maior.
– Versão WordPress 3.7 ou maior.
Depois de conferir os requisitos mínimos, pode baixar o arquivo wp-cli.phar usando o wget ou curl. Primeiro escolha a pasta onde deseja baixar o arquivo e então use um dos comandos abaixo na sua linha de comando do Linux. Tenha certeza de ter o CURL instalado ou então use wget.

curl -O https://raw.githubusercontent.com/wp-cli/builds/gh-pages/phar/wp-cli.phar
wget https://raw.githubusercontent.com/wp-cli/builds/gh-pages/phar/wp-cli.phar

Em seguida, par verificar que está funcionando digite o seguinte comando:

php wp-cli.phar –info

Para simplificar o uso, podemos configurar o sistema para usarmos na linha de comando apenas WP, para isso basta transformar o mesmo em executável, copiando um diretório no Linux, conforme exemplo:

chmod +x wp-cli.phar
sudo mv wp-cli.phar /usr/local/Bin/wp

Usando sudo, pode ser solicitado a senha de root do sistema.

Se tudo correr bem e o WP-CLI tiver instalado corretamente, usando o comando wp –info você deverá ver um resultado parecido com o que segue:

$ wp --info
PHP binary: /usr/bin/php5
PHP version: 5.5.9-1ubuntu4.14
php.ini used: /etc/php5/cli/php.ini
WP-CLI root dir: /home/wp-cli/.wp-cli
WP-CLI packages dir: /home/wp-cli/.wp-cli/packages/
WP-CLI global config: /home/wp-cli/.wp-cli/config.yml
WP-CLI project config:
WP-CLI version: 1.4.1

Atualizando

Periodicamente são liberadas novas funcionalidades e as vezes corrigidos problemas, assim para atualizar o seu WP-CLI uso o seguinte comando:
wp cli update
Para mais detalhes sobre atualizações, no site da organização em inglês https://developer.wordpress.org/cli/commands/cli/update/
Se o proprietário da instalação for um root será necessário usar sudo antes do comando.
Se quiser testar as ultimas e mais novas funcionalidades, em versões as vezes não muito instável pode usar a versão noturna, usando o comando abaixo:

wp cli update --nightly

Usando

O WP-CLI possui uma variada gama de comandos para várias ações dentro de uma pasta onde esteja instalado o WordPress.
Por exemplo, wp plugin install –activate, permite você instalar e ativar um plugin WordPress:

$ wp plugin install user-switching --activate
Installing User Switching (1.0.9)
Downloading install package from https://downloads.wordpress.org/plugin/user-switching.1.0.9.zip...
Unpacking the package...
Installing the plugin...
Plugin installed successfully.
Activating 'user-switching'...
Plugin 'user-switching' activated.
Success: Installed 1 of 1 plugins.

O WP-CLI também inclui comandos para muitas coisas que você faz na área de admin do WordPress. Por exemplo wp transient delete –all permite apagar um ou todos os temporários.
Alguns outros comandos interessantes são:
wp core check-update → vai mostrar se o WordPress tem alguma versão nova disponível.
wp core update → vai realizar a atualização do sistema,
wp plugin list → vai mostrar a lista dos plugins instalados, com status e se tem atualização disponível.
wp plugin update <nome do plugin> → vai atualizar o plugin informado
wp theme list → vai mostrar a lista dos temas instalados, com status e se tem atualização disponível.
Em caso de dúvidas, basta digitar wp e um resumo dos comandos vai ser mostrado, ou por exemplo wp plugin, vai ser mostrado os comandos possíveis para a opção plugin e assim para as outras opções.
Um guia para iniciante (https://make.wordpress.org/cli/handbook/quick-start/) esta disponível no diretório da CLI no site oficial do WordPress, totalmente em inglês.
Caso já se sinta confortável com os comandos básicos, vá para a lista completa dos comandos (https://developer.wordpress.org/cli/commands/) também disponível somente em inglês.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta